Curso de Formação Técnica de Assistentes Dentários

Coordenação Científica: Prof. Doutor Paulo Durão Maurício, Professor Associado do IUEM

Coordenação Executiva: Fátima Quintans, Mestre em Gestão de Serviços de Saúde pelo ISCTE

Carga Horária Total: 834 h de contacto, incluindo estágio profissional de 3 meses (176 horas/mês) a tempo integral ou parcial, num Serviço de Saúde Oral.

Duração:
  18 meses, com sessões quinzenais, em período pós-laboral:

  • 6ªs feiras das 19:00 às 23:00;
  • Sábados das 9:00 às 13:00 e das 14:00 às 18:00.

 

 Introdução

O reconhecimento, por parte da população, da importância da Saúde Oral para o seu bem-estar e qualidade de vida, conduz a uma prestação de serviços assistenciais diferenciados e mais personalizados.

A exigência dos utentes quanto à qualidade dos serviços prestados é crescente, situando a excelência de um tratamento muito além da eliminação da infeção ou da dor. Esse patamar inclui o diagnóstico oral básico, a prevenção e as várias especialidades das quais fazem parte a Dentisteria Estética, a Implantologia, a Ortodontia, a Prostodontia e a Periodontologia.

Esta realidade promove a procura, por parte dos empregadores, de Assistentes Dentários aptos a desempenhar as suas funções e conscientes das implicações do seu trabalho, na avaliação global que o paciente faz dos cuidados de Saúde Oral.

A Egas Moniz, organiza a 9ª edição do Curso de Formação Técnica de Assistentes Dentários.

Esta iniciativa assume como preocupação central contribuir, de forma ativa, para a superação das carências de formação que o mercado, neste domínio científico, apresenta.

A estrutura curricular deste curso resulta de uma atenta reflexão, sobre as principais lacunas com que se deparam diariamente os Serviços de Saúde Oral sem Assistentes devidamente treinados, para darem resposta eficaz, às especificidades da prestação de cuidados nesta matéria.

O plano de estudos adoptado procura visar dois aspectos fundamentais:

  • Em primeiro lugar, privilegiar a aplicação dos conhecimentos adquiridos à realidade da prestação de serviços. O candidato adquire as aptidões práticas e teóricas fundamentais para trabalhar numa clínica, consultório ou qualquer outro serviço de Medicina Dentária. Sendo um programa curto, o aluno pode rapidamente passar da sala de aula para o mercado de trabalho, estando preparado para integrar com segurança, esta área da saúde tão específica.
  • Em segundo lugar, respeitar a constante actualização e evolução das técnicas aplicadas em ambiente clínico. Não se pretende, apenas, a mera transmissão de conhecimentos, mas também uma formação que naturalmente acompanha o ritmo dos avanços desta área científica.  

 

Objetivos

Com suporte numa formação de caráter abrangente, o Curso de Formação Técnica de Assistentes Dentários encontra-se estruturado para permitir um aprofundado desenvolvimento de competências nos domínios temáticos nos quais se insere, permitindo a melhoria da qualificação dos profissionais de saúde de entidades públicas e privadas.

O Curso de Formação Técnica de Assistentes Dentários visa dotar os alunos das seguintes competências fundamentais:

  • Conhecimento e compreensão, com a necessária contextualização, de um conjunto abrangente de temas sobre a Saúde Oral;
  • Capacidade de construir cenários de antecipação às solicitações do médico, durante os tratamentos em gabinete;
  • Capacidade de analisar e identificar as principais disfunções que surgem durante a realização de um acto médico ou nas áreas administrativas, do serviço em que está inserido;
  • Conhecimento e compreensão do referencial teórico e/ou metodológico relevante para melhorar o seu desempenho, como profissional, no local de trabalho;
  • Conhecimento e domínio do instrumental e materiais dentários necessários à realização dos tratamentos médicos;
  • Capacidade de utilizar os conhecimentos técnicos adquiridos para avaliar e decidir quais as melhores opções de negócio, no seu relacionamento com fornecedores e delegados de informação médica;
  • Capacidade de relacionamento e de atenção centrada no paciente e nas suas exigências;
  • Competência técnica específica para desempenhar todas as tarefas inerentes ao funcionamento do serviço - recepção, assuntos administrativos, logística de material dentário, exames radiográficos orais, esterilização e apoio ao médico dentista no gabinete;
  • Motivação para o prosseguimento da aprendizagem ao longo da vida, de um modo auto-suficiente ou procurando formação mais específica e centrada nas suas necessidades;
  • Capacidade e estímulo para prosseguir estudos a nível superior.

 

Destinatários


O presente Curso de Formação Técnica de Assistentes Dentários destina-se a:

  • Assistentes Dentários a exercer funções, no sector público e privado da Saúde Oral, com necessidade de fundamentar e actualizar os seus conhecimentos;
  • Candidatos com experiência em Assistência Dentária, que pretendam obter o reconhecimento académico para exercício das suas funções;
  • Outros profissionais dos Serviços de Saúde Oral – administrativos, recepção e gestores, – que pretendam adquirir conhecimentos mais aprofundados e técnicos sobre as especificidades desta área de negócio;
  • Candidatos que terminaram estudos – de nível secundário ou superior, - e pretendem ingressar no mercado de trabalho com uma base profissionalizante;
  • Candidatos interessados em prosseguir estudos ao nível do 2º ciclo (licenciatura) com bases técnicas no sector da medicina dentária;
  • Outros candidatos com particular motivação pela componente curricular desta formação.


Campo de Atuação do Assistente Dentário

Geralmente o Assistente Dentário, no desempenho das suas funções, é responsável por uma grande variedade de situações que vão desde o apoio ao médico dentista na prestação de cuidados ao paciente, até à gestão administrativa do consultório/clínica. Incluído no Grupo 5 (ponto 5.1.3.2.05) da Classificação Nacional de Profissões – IEFP, um Assistente Dentário, trabalha lado a lado e em equipa com o médico dentista, para facilitar e maximizar o resultado do tratamento.

É da sua competência, assegurar o conforto e bem-estar do paciente durante a consulta; preparar o gabinete para o procedimento a efectuar; proceder à realização de exames radiológicos – ortopantomografia, telerradiografia e radiografias apicais; manusear materiais e instrumentos para facilitar o trabalho do médico dentista; assegurar o cumprimento de todas as normas de esterilização e desinfecção de instrumental e superfícies contaminadas e instruir os pacientes sobre os cuidados a ter após cirurgias ou sobre hábitos de Saúde Oral em geral.

Actualmente a taxa de empregabilidade para Assistentes Dentários qualificados, é muito elevada rondando praticamente os 100%. Ainda é comum (dada as carências de profissionais experientes nesta área), muitos empregadores contratarem elementos sem qualquer tipo de formação, optando por serem eles próprios a instruir de acordo com as suas necessidades clínicas.

Aprender com a prática é importante, mas não é o ideal. As bases teóricas são fundamentais para que o Assistente Dentário compreenda a razão dos procedimentos clínicos e seja capaz de se precaver contra situações que possam pôr em risco a sua saúde ou a do paciente (biossegurança).

Mais informações

 

Candidaturas

Secretariado de Mestrados e Pós-Graduações
Telefone: 21 294 6709
E-mail: mestrados.pg@egasmoniz.edu.pt


Assistentes Dentários 2IMG 5643Assistentes Dentários 1